Crise do Corona: está não é a última crise, nem será; que bom para quem sabe comprar ações na hora certa

Estão dizendo por aí que ninguém esperava por essa crise.

Vou ser bem sincero com você.

Até pode ser que a gente não esperasse que fosse por um motivo destes: uma pandemia. Uma doença viral que se espalha rapidamente pelo globo com consequências potencialmente fatais e, sobretudo, com uma grande possibilidade de provocar o colapso no sistema de saúde de diversos países.

Porém, imaginar que uma crise não acontece de uma hora para a outra e essa é a característica das grandes crises é uma grande ingenuidade.

Bicho, essa é a característica das crises. Quem espera por datas são as crianças, ansiosas pelo Natal. Tenham sido boazinhas ou malcriadas, elas sempre ganham um presentinho, por mais humilde que ele seja.

Nos mercados não é uma questão de se uma crise vai acontecer.

Mas de quando vai acontecer. E o motivo.

E elas SÃO inesperadas.

Porque elas vão acontecer. E continuarão acontecendo.

Se não fosse o corona vírus, seria por outro motivo: a quebra de um grande banco, a bolha dos títulos americanos, o sistema financeiro.

O mercado não conhece boas razões para uma crise, apenas boas desculpas.

E as desculpas são para quê? As desculpas são para que os grandes investidores institucionais comprem ativos a preço de banana.

A bolsa em 120 mil pontos (no Brasil), esticada como um elástico prestes a arrebentar. Meses de alta acelerada.

E mais: já estávamos há 12 anos da última grande crise, a de 2008. Será que alguém pensou que o “Joesley Day” foi realmente uma crise?

Enquanto isso, o número de investidores pessoa física, saiu de pouco mais de 500 mil há alguns anos para perto de 2 milhões em fevereiro de 2020.

O que as corretoras estão dizendo para essas pessoas?

Devo lembrar que muitas delas, ingênuas, colocaram todas as suas economias em ações. Algumas entraram a 100 mil pontos. 110 mil pontos. 120 mil pontos.

O que elas sentem quando veem as economias de uma vida valerem metade do que antes valiam? O que elas fazem? Vendem com prejuízo? Ficam compradas sem saber se vai cair mais? E quando os preços voltarão ao patamar original?

O histórico mostra que mesmo depois de crises terríveis, os preços voltam e superam.

O que ninguém sabe: quando, de que forma e, se antes de melhorar, não piora.

Assim, quero compartilhar aqui o histórico de algumas crises mundiais com reflexos na bolsa de valores, como elas aconteceram, qual foi “a desculpa” e o que aconteceu depois.

Algumas dessas crises eu vi de perto, pois estou no mercado desde 1997.

Acompanhe comigo.


Crise de 1929

O que vimos a partir de 1929 nas bolsas mundiais nem teve precedente nem teve algo que superasse.

No entanto, se olharmos em um gráfico que venha daquela época até lá até os dias de hoje, a crise que se prolongou por toda a década de 30 não passou de um mero soluço.

Mas, na época, era como se fosse um fim do mundo, dando a ignição à Grande Depressão americana.

Primeiro vamos aos números, sempre frios, sem vida, mas repleto de repercussões emocionais.

Entre 1925 e 1929, os mercados norte-americanos estavam eufóricos.

Os Estados Unidos financiaram o reerguimento europeu depois da Primeira Grande Guerra.

Foram cinco anos de alta vertiginosa, registrada pelo índice Dow Jones.

Muitos novatos entraram na bolsa no final desse período. Acho que você já conhece essa história de algum lugar, não é mesmo?

De fato, gente mais experiente, por outro lado, já começava a perceber que o preço das ações não correspondia à realidade do mercado.

A coisa estava MUITO esticada.

Sim, os países europeus já começavam a andar com as próprias pernas. Os produtos dos Estados Unidos já não eram tão necessários.

No entanto, as indústrias estavam estruturadas para atender essa demanda, até então gigantesca. Máquinas, empregados, imóveis.

Capacidade para muita oferta. Mas cada vez menos demanda.

Ei, eu tenho uma máquina de sorvetes que produz um milhão de bolas de sorvete por dia. Mas, se você trabalha no Polo Norte, quanto vale essa máquina de sorvetes? A economia americana estava virando uma gigantesca máquina de sorvetes no Polo Norte.

Nesses momentos, a bolsa trabalha com ilusões e movimentos de inércia. Subia ainda porque tinha que subir.

Por outro lado, as indústrias demitiam o pessoal já desnecessário para dar conta de uma demanda cada vez mais inexistente.

Mais desempregados? Menos público consumidor ainda. Sem trabalhar, sem salário, não tem quem compre os produtos. A economia americana não estava apenas perdendo o público estrangeiro, mas também o público doméstico.

O sobe e desce acentuado dos preços dos ativos e dos índices naqueles dias demonstrava que o gelo estava começando a rachar na bolsa. Foi no dia 24 de outubro de 1929 que a casa caiu, que o gelo rachou. Foi o dia do chamado Crash.

Foi uma reação em cadeia com algo até então não visto na bolsa de Nova York: uma queda de quase 13%.

Multidões foram para Wall Street, tumultos na bolsa.

Mas não foi só isso. Alguém pode ter pensado: está barato! Vamos comprar.

É. Pode crer. Vamos comprar.

Mas foram três anos de queda. E, nesse período, o índice Dow Jones saiu de 380 pontos para 40 pontos. Uma desvalorização de 90%. Lenta, imparável. Ninguém sabia onde seria o fundo.

Mas ele aconteceu.

De 1935 a 1937, a bolsa apresentou uma recuperação.

Para cair, novamente em 1942, fazendo o que nós sabemos ser um teste de oferta. Um longo teste de oferta. Note que esperar 13 anos para então ver a bolsa voltar para os patamares dos piores momentos da crise é bem desanimador para quem comprou acreditando em pechinchas, mesmo para quem comprou no fundo em 1932 ou 1933.

Mas a partir de 1942, meados da Segunda Grade Guerra, tirando alguns soluços, a bolsa só subiu. Foram 55 anos só de alta: 7.000%.


Crise do Petróleo (1970)

A coisa foi tão louca em 1970 por causa do petróleo que estavam até proibindo pneu com tala larga porque, supostamente, gastavam mais gasolina.

Foi também a ignição da nossa produção de álcool combustível, o etanol.

Nessa década houve diversas crises provocadas pela principal commodity mundial:

  • 1973: o apoio dos Estados Unidos a Israel na Guerra do Yom Kipppur teve um preço. Os países árabes, através da OPEP, aumentaram o preço do barril em mais de 400%. Em 1974, o preço saiu de US$3 para US$12.
  • 1979: a crise política do Irã fez o preço do barril ir de US$13 para US$34 até 1981. Os Estados Unidos sofreram com a inflação (14,8% ao ano em 1980). O FED (Banco Central norte-americano) teve que subir a taxa de juros do país para 22,36% em julho de 1981.

O Brasil, que tinha financiado o seu crescimento com pesados empréstimos mal negociados pelo regime militar, teve sua dívida impactada por esses juros.

O governo teve que declarar moratória (tipo... devo, não nego, pago quando puder; mas quando um país faz isso, é uma coisa muito séria).


Segunda-feira negra (1987)

Mas a crise do petróleo foi um “solucinho” da bolsa de valores.

O que dizer do dia 19 de outubro de 1987?

Lembra que eu disse que, de 1942 até 1987 foram 4.000% de valorização do índice Dow Jones?

Pois é. Nesse dia a principal bolsa americana perdeu 22% de seu valor em uma sentada só.

Tóquio foi junto, com 15% de queda de uma vez.

A Nova Zelândia viu suas ações despencarem 40%.

Que segunda-feira.

Ninguém sabe dizer muito bem o motivo da desvalorização, não há consenso, mas tudo indica que foi um desequilíbrio do câmbio e da balança comercial. Com o dólar muito caro, ninguém queria comprar os produtos americanos.

O FED aumentou os juros. Os investidores saíram das ações em empresas que estavam sem demanda e foram para os títulos públicos, mais seguros e com renda garantida, já que os juros subiram.

Finalmente, na Segunda Feira Negra, o governo anuncia um déficit de 16 bilhões de dólares e, com isso, toca fogo no circo, que já estava armado.

Nas 15 semanas seguintes, foram perdas de 40% acumuladas no Dow Jones.

Mas quem comprou ações nesse fundo, se deu bem. Pois foram 11 anos seguidos de alta, com uma valorização de 420%.

Porém, nunca é demais dizer, não existe quem adivinhe fundo.


Crise Asiática (1997)

A Crise Asiática de 1997 teve o início na Tailândia.

O país decidiu que sua moeda, o baht, deveria ter um regime de câmbio flutuante, sem correlação com o dólar.

Bom... não deu muito certo. A economia entrou em colapso.

E o efeito se espalhou por todo os chamados, na época, de “Tigres Asiáticos”: Filipinas, Coreia do Sul, Malásia, Indonésia.

Sobrou até para o Japão.

Mas o mundo estava vivendo uma coisa que era uma palavra da moda na época: globalização.

E todos os mercados sofreram.


Crise do Câmbio no Brasil (1999)

A maxidesvalorização do real foi o ápice de uma série de acontecimentos e se deu a partir da metade do segundo semestre de 1998.

Ninguém mais queria o câmbio regulado pelo governo.

Itamar Franco, então eleito governador de Minas Gerais, decretou o calote da dívida do estado, já nos primeiros dias do mandato.

A economia já vinha capenga há um tempinho. E no dia 12 de janeiro de 1999, o chefe do Banco Central, Gustavo Franco, pediu demissão e deu lugar a Francisco Lopes.

Boa oportunidade para acabar com o câmbio fixo.

O real caiu 60% naquele mês.

Quem comprou dólar se deu bem.


O subprime (2008)

Antes da crise dos Subprime tivemos a Bolha das Ponto Com (Nasdaq) em 2000, mas a abordamos no artigo anterior, em que ensino a técnica Sato’s Kamikaze.

A história da crise dos subprime, bem resumidamente, foi: concessão de crédito imobiliário a um público potencialmente inadimplente.

Essas dívidas eram “embaladas” em instrumentos securitizados que eram vendidos como investimentos extremamente seguros (avaliados por agências de risco que ainda hoje atuam dando ratings pra muito investimento por aí... fique de olho).

As pessoas compravam esses instrumentos com promessas de ganhos altíssimos, mas o valor desses papeis dependia de que as dívidas que os originaram fossem honradas.

Acontece que tudo isso realimentava a alta do mercado imobiliário americano, as pessoas aproveitavam para refinanciar suas casas, comprar mais imóveis... o ciclo parecia não ter fim e muita gente acreditava que não teria.

Mas teve. Em algum momento, o excesso de oferta fez o preço dos imóveis cair. Quem tinha financiado o imóvel se recusava a pagar um financiamento caro por uma casa em uma vizinhança cujas casas valiam uma fração do que estavam sendo cobrados.

Ok. Não paga? O banco toma o imóvel. Mas o que fazer com esse imóvel se ninguém mais quer comprar? Acho que você entendeu o problema e o ciclo vicioso que se criou a partir daí.

No final, quanto valem aqueles títulos subprime que os investidores compraram? Muito pouco. Nada talvez.

O mercado caiu 55% em 1 ano e 3 meses.

Se alguém acertou o fundo, até o topo recente da bolsa, chegou a ganhar 400% em 10 anos. Dependendo das ações que comprou, muito mais. E, pode apostar, mesmo essa queda monstra dos últimos dias não chega a assustar quem fez isso. No máximo, a pessoa ficou chateada.


A crise atual e a conclusão

A crise atual sabe-se lá como será chamada. Talvez a crise do Corona. Se não fosse o Corona, talvez o que a desencadeasse fosse a briga dos russos com os árabes por causa do preço do petróleo, desta vez pela desvalorização devido ao aumento da produção árabe.

Não importa.

Independentemente da questão sanitária que preocupa o mundo e certamente é mais importante, tudo o que o mercado precisa é de uma boa desculpa para uma crise, para ter uma correção violenta e ensurdecedora de cotações e preços muito esticados, quando milhões de novatos ingênuos são sugados para uma armadilha no topo.

O que todas as crises têm em comum e provavelmente é o caso dessas:

  • Cordeiros comprando ativos no topo do mercado, ignorando a assimetria de risco (arriscando perder muito para ganhar pouco, quando o correto seria arriscando perder pouco para ganhar muito).
  • Cordeiros vendendo barato para os lobos, que compram ativos a preço de banana
  • A bolsa volta a subir: não sabemos se vai cair mais por um, dois, três meses ou anos, se vai lateralizar por um bom período ou se, ainda, haverá outra crise pior por cima dessa. Mas ela sobe e, pode acreditar, antes de subir, o dinheiro já trocou de mão, indo dos possuidores fracos para os possuidores fortes, que passarão a se posicionar em empresas que têm condições de sobreviver às piores adversidades.

Para essas horas de desespero, eu uso o que eu chamo de Sato’s Kamikaze, que você deveria conhecer no nosso artigo anterior 

Escrito por Luiz Sato

Segundo Sato sua missão é transmitir conhecimento avançado aos traders brasileiros para aplicarem as metodologias e as ferramentas disponibilizadas ao seus alunos aumentando as probabilidades de ganhos nos mercados que são altamente competitivos e dominados principalmente pelos HFT´s (Robôs de alta frequência).

Deixe seu comentário

Comentários

Edson Ottenio29/03/2020

TMJ................................................vamos pra cima com os big.....................

Edevaldo Luiz Monteiro29/03/2020

É isso ai satinho tamo junto muito obrigado um grande abraço

Guilherme Navarro29/03/2020

Tamo Junto Sato! Artigo fera, obrigado!

Robson Silva29/03/2020

Conteúdo TOP !!!

Guilherme L.29/03/2020

Show Sato.. continue fazendo esse tipo de conteúdo para nós, por favor.. Abraço

Allyson29/03/2020

Foda! tamu junto!

Rodrigo Lima dos Santos29/03/2020

Sato quero mudar minha vida através desta carteira Kamikaze, não tenho capital, mais darei um jeito.

Lucas Levy29/03/2020

Ótima matéria, muito obrigado por compartilhar seu conhecimento e sua visão do mercado. TMJ, abraços.

allison rodrigo 29/03/2020

Artigo top como sempre! tmj sato!

Gilberto Ribeiro.29/03/2020

Valeu Sato.... Cara muito obrigado, só aulas show... mudando minha vida em todos os sentidos... Top demais. Trabalho maravilhoso que a família Raio X faz. Abraço irmão... muita gratidão. TMJ

fernando29/03/2020

Excelente artigo Sato!

Paulo Macedo 29/03/2020

Top!!! Satinho parabéns.

Jocélio Santos29/03/2020

Essa crise não estava prevista, mas era esperada segundo Nassim Taleb a antifragilidade não é Fortaleza mas sim saber identificar as fragilidades e tentar bloquear as mesmas.

Pedro M Tondelli29/03/2020

Oi Sato  O primeiro comentário é que o slide da crise de 1929 está errado, a data na fot está 1292 Abraços OBS: ótimo você estar falando mais de ações  Obrigado

Ricardo Gercino29/03/2020

Sou aluno desde 2017, mas por uma série de motivos iniciei a operar somente neste ano!!! Está sendo algo sensacional!!! Estou buscando a consistência agora, mas os resultados já são ótimos!!!! Força no fluxo!!!

Alex R29/03/2020

Mis um artigo top, muito conhecimento, obrigado ! TMJ !

Joel Benon29/03/2020

Sato, estou nas nuvens. Você faz um demonstração de desapego como nunca. Que capacidade de resumo extraordinária, muito obrigado.Deus lhe abençoe!

Rodrigo29/03/2020

Sato , acredito que a especulação gera os motivos que interessa para se chegar aos fins o dinheiro. Mais desta vez pensei o jogo vale para tudo ou nada , se der nada todos perdem o sistema financeiro quebra , ok , mais pode alguma crise perderem a mão e realmente tudo afundar

Jessica29/03/2020

Tamo Junto Satinho!

João Vitor29/03/2020

Gratidão mestre SATO por todo esse conteúdo rico viu!

Dario Junqueira29/03/2020

Crise é oportunidade.

Evaldo Alemeida29/03/2020

Leitura perfeita de cenário, claro e assertivo e com uma visão fantástica de mercado embasado em mais de 20 anos de história de mercado! Sato é na melhor acepção da palavra um "monstro" de conhecimento e acima de tudo com um coração gigantesco procurando ajudar ao máximo os "sardinhas" como nós!

Luciano Moraes29/03/2020

tamo junto Sato!!

Frederik Welinson29/03/2020

Sato conteudo top cara, TMJ.

izabel29/03/2020

Sato ótima reportagem. estou te acompanhando.

Leonardo Duarte29/03/2020

Ótimo artigo Sato

Audiney29/03/2020

Obrigado Sato, por compartilhar sua sabedoria

rafael29/03/2020

TMJ....NO POWWWW....V.

Eder29/03/2020

Conteudo acima, muito acima da media

werbson lima29/03/2020

Só tenho a agradecer por tudo que aprendi com vc Sato... estudando este conteúdo estou me sentindo um expert na bolsa de valores... estou ha 2 anos com vcs ( Raio X ) e só vitórias..; Raio X Preditivo vcs são top....

Rafael Dalberti29/03/2020

Boa Sato, mais um conteúdo TOP, TMJ Hulk do mercado

Abel29/03/2020

Vamos lá Mestre Sato... estou comprando toda sobra de ganho!!!! Abraço.

Antonio Soares29/03/2020

Tamo junto Sato. Grande conteúdo.

Raphael Araujo29/03/2020

Excelente Sato! Obrigado! Sou seu aluno no Raio X! Abração!

Augusto Miranda29/03/2020

Gratidão. SATO KAMIGAZE.

Kleber29/03/2020

TMJ Sato. Obrigado por compartilhar seu conhecimento... Gratidão.

marcone29/03/2020

tmj sato ... estou aprendendo muito no curso parabens valeu ...

José Luiz29/03/2020

Tmj Sato!!! Lei da Abundância!!!

dario29/03/2020

muito bom

Ricardo29/03/2020

Ótimo conteúdo

Simao29/03/2020

Grande Sato, belissima analise sobre as crises. Sempre dividindo/compartilhando conhecimento com os alunos.

juscinei batista29/03/2020

conteúdo top de mais parabéns Sato

Gean29/03/2020

Grande Mestre Sato! São maiores os dias de mar calmo do que de tormenta! Precisamos nos preparar na bonança para a tempestade! Só senti falta daquele gráfico de todas as crises pra ilustrar bem todo esse artigo... mas ta show!!! Forte abraço

julio cesar nascimento rodrigues29/03/2020

Sencacional a matéria. Aliás os ensinamentos do Sato estão revolucionando o mercado, quebrando todos os paradigmas

Marcelo29/03/2020

Muito interessante seus pontos de vista. É muita informação de qualidade no qual não achamos por aí. Conteúdo broca funda kk. Obrigado por se posicionar e nos abençoar com sua experiência de 20 anos de mercado. Dei sorte em ter vc como professor!! Sou muito inocente ainda, porém com essas leituras brevemente iremos evoluir.

Valdir29/03/2020

Satinho vc beção de Deus, continue nos instruindo por favor. Grande abraço Tamo Junto ate quando vc quiser.

gabriel marcondes29/03/2020

De longe o conteúdo mais rico e informativo sobre o mercado financeiro.

andrews29/03/2020

Belo conteudo Sato tamo junto.

Joao Paulo Habib Vieira29/03/2020

muito bom o artigo, muito obrigao Grande Sato

Murillo 29/03/2020

Sato sou aluno do raioX!!! eu acredito que o mercado vai subir que nem um rojão de spike!!!! do jeito que caiu vai subir!! final do ano passado quando vi a china comprar carne do brasil e fez o preco aqui subir, pois o seu ranho estava doente!! imaginei que algo viria da china de novo! !! pois de tempo em tempo ela sempre faz algo!!! que afeta o mundo todo!!! O capitalismo fez suas fabricas na china, para explorar a mao de obra que era barata!! eles se vestiram de cordeiro mas sao verdadeiros lobos!!! pois apreenderam as tecnicas de produçao e melhoraram as tecnicas, apreenderam e passaram a domina-las !!! e agora eles mandam no mercado mundial!! Pois tudo vem da china!!!! do trivial ao sofisticado!!!

Geovane Fernandes de Oliveira29/03/2020

Sato, meu objetivo é aprender como você vê o mercado e toma suas decisões, sei que tenho muito que aprender, mais um dia chegarei lá, com muita dedicação e persistir para adquirir, TMJ.

Gilberto Bassa29/03/2020

Parabéns Sato, ótimo e esclarecedor seu texto, saber como agem os tubarões do mercado não tem preço. Tamo junto Satinho. Obs: Aula de hoje foi animal.

Caio Nascimento29/03/2020

Shooooow Sato ! É muito importante entender o funcionamento desses movimentos anomalia no mercado

Mário Júnior29/03/2020

Sato, como eu disse no artigo sobre a estratégia Sato’s Kamikaze, primeiramente agradeço por sua existência e bondade em compartilhar sua experiência! É realmente fascinante aprender, enxergar e entender este mecanismo que, durante uma vida, oferece duas, três, quatro oportunidades irrefutáveis de multiplicações de patrimônio, sem precedentes. E, melhor ainda, saber que podemos enxergar tudo isso, partindo da ótica de alguém que já vivenciou e, principalmente, extraiu grandes lucros dessas oportunidades, nos últimos 23 anos. Gratidão, sempre!

Fernando Almeida29/03/2020

Conteúdo broca funda Sato, tamo junto..

Darcio Freire30/03/2020

Tudo se resume ao fluxo. Fluxo de capital; fluxo de mão de obra; fluxo de produtos. Parabéns pelo método e visão matadores.

ERNANDE CASH TRADE30/03/2020

Pura verdade, o que precisamos é pensar como eles pensam e agir como eles agem, em meio ao desespero e alvoroço em momento de queda como tem acontecido, o que esperam e que todos começam a sair de suas posições compradoras a venderem por preço de banana. Sou grato a você Sato e Osney por compartilhar conhecimentos jamais visto. Muito obrigado....

Rodrigo30/03/2020

Parabéns pelo artigo Sato. Você acredita que a China socialista está usando a maior fraqueza do capitalismo pra impor suas vontades? Grande abraço

Leandro Fernandes30/03/2020

CONTEUDO BROCA FUNDA!!

Fernanda30/03/2020

Obrigada por compartilhar conosco seus conhecimentos!!

Raphael Sousa30/03/2020

Ótima visão Sato, como foi mostrado na aula de ontem na video aula, devemos ser medrosos quando o mercado está em alta e corajosos quando o mercado está em baixa. Ótimo conteúdo e por ser ótimo continue nos informando e trazendo conhecimento para a nossa educação financeira!

José Yuri30/03/2020

TMJ Sato artigo top, Muito superior do que muitas reportagens e outros artigos rasos e que estão passando pela TV e outros canais de noticias, continue que eu adoro seus ensinamentos professor.

Dionizio Gonzaga30/03/2020

Em Janeiro tive uma leitura de queda na bolsa. Estou aprendendo a cada dia mais.

Maurício30/03/2020

Conteúdo TOP, como sempre.... E sobre a crise de 2008, tem um excelente filme explicando isso, pra ver os Big Players em ação: A Grande Aposta! Sairemos desta crise mais fortes, com certeza!! TMJ!!

Kelson30/03/2020

Melhor treinamento da vida!! Valeu Sato!!

joão luiz30/03/2020

SATINHO parabéns por estes conteúdos que você tem postado e de muita valia para nos, isto enriquece os nossos conhecimentos. obrigado! tmj top

Gabriel30/03/2020

TMJ Sato, com vocês no treinamento a dois anos... !! Estou indo em busca da minha liberdade financeira

Davi Pedreira30/03/2020

Excelente artigo sato, e em boa hora para pessoas que não se desesperam em momentos como esse, assim como o indice chegou no topo e derrocou pra baixo. Não sei em quanto tempo, mas acredito sim que vai encontrar um fundo e segurar e jogar pra cima novamente, é isso que todas essas crises citadas nos mostra.

CARLOS HONORATO30/03/2020

SATO, GOSTEI MUITO DO ARTIGO, LEITURA FÁCIL, E DIVERTIDA, POREM DE OTIMO CONTEUDO. ESPERO, SINCERAMENTE, QUE CONTINUE A ESCREVER ARTIGOS ASSIM. E APROVEITO , PARA DEIXAR UM TEMA. OVELHAS E LOBOS, DÁ PARA SABER QUEM É PELO CHEIRO?

Jardson30/03/2020

Show de bola todo o conteudo!! parabens!! que muitas crises possam aparecer!! rsrsrs vamos pra cima!!!!!!!! lol

Silvan Rodrigues São Bento30/03/2020

Poder ter um mestre como você Sato é um privilégio de alguns, muitos podem até saber que de tempos em tempos surgem crises, e com elas muitas oportunidades de ganhar dinheiro, mas saber onde estão essas oportunidades e o timing para aproveitar essas oportunidades é privilégios de poucos, obrigado por tudo.

Carlos Alberto Ferreira da Costa30/03/2020

Olá Sato. Uma cronologia das crises de forma simples e de fácil entendimento. Obrigado por compartilhar seus conhecimentos. Desejo que você continue seu caminho com muita saúde e prosperidade. Abraço. Carlos.

Rusdney Cabral30/03/2020

Muito boa sua analise cronológica, pois podemos ter uma otica diferente nos fazendo crer que pra muitos isso é crise e pra poucos não passa de boas oportunidades! em fim so depende de nós escolher de que lado vamos nos posicionar. Sato, agradeço muito por compartilhar conosco toda sua expertise referente ao mercado, isso tem nos ajudado muito e mudado vidas, parabém pelo belo trabalho! SUCESSO!!!

Alvaro30/03/2020

Sato, oportuna análise. Vamos nos posicionar e buscar um futuro próspero.

Dorival Bonardi30/03/2020

Muito bom Sato, é desse tipo de informação que nós estamos precisando, esse norte que você está nos dando não tem preço, só posso dizer muito obrigado pela a sua generosidade.

Cleiton silva ( SniperRX )30/03/2020

Sato amigo você é top.

Rubens Oechsler30/03/2020

Muito boa analise das crises, Parabéns. Na crise do subprime de 2008 você escreveu. (avaliados por agências de risco que ainda hoje atuam dando ratings pra muito investimento por aí... fique de olho). Para mim as pessoas que dão essa avaliação esses ratings para mim era informações que serve para que investidores saibam o grau de risco dos títulos de dívida que estão adquirindo, ou dos fundos de ações, ou qualquer outro papel. Em quem posso confiar? Eu acabei de ler o Livro Inabalável de Tony Robbins. Em uma parte do livro ele fala que a maioria deste analista que montam fundo, montam sem fundamentos, e abrem vários fundos, e depois de um ano aquele que deu a melhor performance ele fazem marketing e os outros ele encerram. Agora estou lendo Dinheiro de Tony Robbins. Sou aluno do raio x Preditivo , sou dono de 2 micro empresa , e não estou conseguindo arrumar tempo para fazer Day trade, irei partir para investimento em ações , Sato kamikase. Atualmente investo em fundos imobiliários. Gratidão Rubens Oechsler

joao george30/03/2020

Excelente Sato!!

Aline Moreto30/03/2020

'' A MANEIRA DE GANHAR DINHEIRO É COMPRAR QUANDO O SANGUE ESTA CORRENDO NAS RUAS '' . John D. Rockfeller

Carlos Alberto M. Medeiros30/03/2020

Eu vi e vivi muitas dessas crises, mas a que me derrotou feio foi quando o Collor confiscou todo o dinheiro que estava depositado nos bancos, fosse em conta corrente, poupança ou outros ativos. Nessa época eu trabalhava como Diretor Comercial de uma grande empresa de jóias, a Multijóias Industria e Comércio de Jóias limitada e nós havíamos lançado no mercado uma espécie de previdência em ouro físico, como a indústria teve seu dinheiro confiscado, não deu para comprar mais ouro e nem para honrar seus compromissos, foi a bancarrota. Mas como todas as outras, passou, embora muitos amigos tenham suicidado literalmente, e pensar que o povo das Alagoas ainda elegeu o Collor Senador... Muito bons os seus artigos Sato, Parabéns... TMJ

EINER LIMA30/03/2020

Muito boa retrospectiva Sato! precisamos entender as causas para compreendermos corretamente os efeitos

Paulo Cezar Rampazzo30/03/2020

Mestre, sem palavras! "LEI DA ABUNDANCIA" O aprendizado adquirido nos últimos 2 anos como aluno não tem preço. Tive a honra de conhecer toda equipe do Rx preditivo no evento em São Paulo e sei do carinho e comprometimento de toda "FAMILIA RX PREDITIVO" para nos presentear com um material tão rico de informações como este. Tenho certeza de que muitas pessoas já estão colhendo os frutos deste trabalho maravilhoso. Deus abençoe a todos! TMJ SATO e OSNEY Paulo Cezar Rampazzo

Thiago dos Santos Azevedo30/03/2020

Sato, a pesquisa realizada propicia a contextualização da crise atual e permite que consigamos ter uma visão sistêmica entendendo melhor o comportamento dos agentes do mercado financeiro e cenários. Obrigado por compartilhar! TMJ

Alailson Nascimento30/03/2020

Grande Sato, Excelente conteúdo. Na crise, crie... Muito obrigado!

DOUGLAS D.S.30/03/2020

Show de bola Sato! Parabéns pelo trabalho.

Aline30/03/2020

Obrigada Sato por compartilhar seu conhecimento conosco. O que você esta ensinando não tem preço. Que Deus abençoe sua vida cada dia mais!!!

Victor Vianna30/03/2020

Boa sato, ótimo conteúdo, não tinha conhecimento sobre estes fatos. TMJ

Edson Dias30/03/2020

Excelente material! show de bola. Valeu Yasuhiro Sato

Douglas Rodrigues Farias30/03/2020

Parabéns pela matéria Sato, foi muito bom conhecer mais detalhes sobre as crises do passado nas Bolsas de valores pelo mundo. Continue escrendo mais matérias como esta.

Marcelo30/03/2020

Conteúdo muito bom, devagar e sempre em frente

Yannick Zanon30/03/2020

Conteúdo Top demais. Tamo junto Sato

Felipe 30/03/2020

Satinho, faz esse estudo pra gnt, tem nós ajudado muito.

everton30/03/2020

excelente artigo,parabens sato tmj

Bruno 30/03/2020

Não há nada no mercado parecido. Vocês são diferenciados. Rumo a independência financeira.

EDSON DE DEUS30/03/2020

SATO, PRA MIM O MERCADO JA FEZ O FUNDO, AGORA SO FALTA O TESTE DE OFERTA DAS DUAS ULTIMAS POC VIRGEM, PRA DEPOIS DAR O POW. A HORA É AGORA , PRA CIMA DELES. TMJ SATO/OSNEY.

Jackson31/03/2020

Muito bom o conteudo! Valeu Sato!

FABRÍCIO DE SOUSA31/03/2020

Mais uma crise... fico pensando nos especialista que estavam super empolgados recomendando compras no topo. Por outro lado minha análise em apontar o topo é fáccil, já passou... fato é que não sabemos quando serão os topos e os fundos, o que temos é a capacidade de perceber, pelas ferramentas do Raio X, o comportamento dos players institucionais, quem não conseguiu ver o que eles fizeram no topo, tem uma chance de ver o que estão fazendo neste provável fundo (ou não, fundo tem porão), fato é que estão agindo, o sangue está nas ruas (literalmente). Vamos reagir! TMJ Sato! 

Matheus Warmeling31/03/2020

Ótimo trabalho! TMJ.

Pedro Henrique Popoff31/03/2020

Fala Sato. Blza? Muito boa a iniciativa. Parabens pelo conteudo. Acredito também que seria legal vcs lançarem algum conteúdo, material sobre opções. Sou aluno do curso e gosto do arsenal de ferramentas e conteúdos fornecidos. RaioX é Fluxo, RaioX é Life.

Fábio Festa31/03/2020

Muito bom esse conteúdo, acredito seriamente que estou em ombros de gigantes !!! TMJ - Sato, Osney!!!!

João Batista Neto31/03/2020

Top Sato. Você e a equipe do Raiox Preditivo estão fazendo a diferença na vida das pessoas. Por causa de vocês li todos os livros de Tony Robbins e recomendo a todos do Raiox, principalmente 'O Inabalável e 'Dinheiro - Domine esse jogo'´. Nunca é tarde para começar, já estou aposentado e no grupo de risco do coronavírus mesmo!... (67 anos,) bora lá arriscar na Estratégia Kamikase. Gratidão, um grande abraço e que Deus ilumine o caminho de vocês.

Marco Aurélio 31/03/2020

Parabéns pelo trabalho Sato. Vc é sensacional!

Ricardo31/03/2020

Parabens pelo trabalho e empenho e super dedicacao em compartilhar conosco !!! muito obrigado Ricardo

Ismar31/03/2020

É isso ai satinho tamo junto muito obrigado um grande abraço estamos juntos sato.. muito informação boas pra tomar decisão. valew !!!!

Adim Cleber Lopes31/03/2020

Boa Tarde Sato Excelente trabalho e instrução você vem trazendo para mim. Comecei na bolsa em 2017 e primeiro curso que fiz foi o de vocês e que aprendi bastante e agradeço, já perdi dinheiro na bolsa pela minha teimosia de acreditar que o preço deveria fazer o que queria mesmo usando seus indicadores errava o time era stopado e o preço seguia para onde eu tinha previsto através de seus indicadores, tirei dinheiro do mercado mas também infelizmente devolvi tudo e o que eu tinha colocado também, hoje perco menos e ganho mais estou operando por outra corretora e plataforma onde me possibilita a colocar a perca diária máxima e que eu tenho respeitado nos dias de loss mas opero bem pouco agora, estou montando a carteira kamikaze fielmente com minhas economias e mais uma vez te agradeço pelo excelente trabalho que desenvolve trazendo conhecimento para nós que somos leigos ainda mas que aprendemos bastante com vcs Lei da Abundância sempre... Um grande abraço

Alexandre31/03/2020

o mercado financeiro não é para amadores. várias crises virão e é preciso ter conhecimento para lidar com isso. muitas pessoas perderam muito dinheiro por não terem esse embasamento técnico e as ferramentas que vc passa. Agradeço estar vivendo esse momento. Acho q vc não tem idéia do grande legado que está deixando para as futuras gerações. Muito obrigado.

Esdras Botelho Neves 01/04/2020

Conteúdo estilo o curso, Raio X, tudo com com informações densas e sem enrolação, valeu, pode escrever mais que vai ter leitura minha sempre...vou está no mínimo fazendo o dever de casa!

guilherme soares01/04/2020

muito obrigado sato por voce compartilhar seu conhecimento, um dia vou ser um grande especulador como voce. só tenho a agradecer. tamo junto !!! • • • vamos pra cima dos big player vamos tirar dinheiro deles hahaha

Augusto01/04/2020

Excelente artigo, parabéns Mestre Sato!

Marcelo01/04/2020

Tmj Sato. Ja comecei fazer a minha carteira!!

thiago01/04/2020

exelente conteudo sato.

Enzo Casteo01/04/2020

Vlw pelo artigo Sato. Excelente e esclarecedor!

Higor Medeiros01/04/2020

Que top Sato. Parabéns. TMJ.

Rafael Battisti02/04/2020

Boa Sato! Parabéns pelo conteúdo. Tamo Junto.

Luiz Afonso03/04/2020

Valeu Sato, muito bom esse histórico das crises, obrigado Sato.

Tiago Arcanjo04/04/2020

Excelente Artigo Sato! Gostei muito de seus relatos e comentários das crises anteriores. Parabéns! você é um excelente profissional e possui conhecimentos profundos. Obrigado por compartilha-los conosco. Deus te abençoe, a você e família. Como aluno, meu muito obrigado!

Gerson Casagrande05/04/2020

Ótimo artigo.

cleiton rocha06/04/2020

Sato, massa essa visão de crise..... você falou sobre tesouro direto.... pode fazer um sobre o assunto, como comprar e como avaliar a rentabilidade?

fabricio heitor parmejano06/04/2020

Sato...boa noite...joia...que informaçao valiosa...abriram meus olhos...e acho q chegou o momento de ir pra cima do ring e comecar a lutar de verdade....mas escorado na sua tecnica e vivencia de 23 anos de mercado...Parabens....nao tenho condiçoes de retribuir pois sou simples demais...mais prometo mostrar em breve resultados que te farao te motivar mais ainda em ajudar pessoas determinadas a vencer no mercado financeiro....obrigado...#tamojuntosatoosney#

Luiz Felipe09/04/2020

Saaaatoooo MOOONNNSSSTTROOOOOOOO!!!! Sensacional esse material!!! Continue elaborando esse tipo de conteúdo e você, além de transformar milhares de vidas, fará JUS ao seu legado!!! "LEI DA ABUNDÂNCIA!!!" Deus te abençoe grandemente!!! Luiz "Queridão"... Aluno RaioX Preditivo com muito orgulho!!!

Ruddy Cavalcanti10/04/2020

muito esclarecedor e direto ao ponto, sem mimimi! parabens sato!!! muito bom!!!

Fabiano Scariot14/04/2020

Bom dia Sato! Ótima análise , obrigado por compartilhar Abraço

Márcio Comin16/04/2020

Acho linda a sua opção por ajudar a todos. Parabéns, você é uma referência! Por isso sou orgulhoso de ser aluno do RaioX. Conteúdo muito bom.

soraia alvarez alvarez16/04/2020

Olá, Sato . Eu e meu marido somos alunos rx, ainda na conta demo. Vou montar minha carteira kamikasi seguindo suas orientações, mas, por fv, me passe algum material de como investir em tesouro direto, para aplicar uma parte de nosso dinheiro. Desde já agradeço, e pode crer, você já está mudando nossas vidas!

Filipe Favretto19/04/2020

Show Sato. Continue com os artigos que estão top !

Isaltino Rodrigues 20/04/2020

Valeu Sato! Muito bom compartilhar esse artigo e mostrar que mesmo quando tudo parece deu errado é apenas uma grande oportunidade para dar muito certo lá na frente para quem tem boas informações, paciência e disciplina.

Odilon Saraiva24/08/2020

Olá amigo Sato. Essa análise é o que ninguém fica sabendo. Mas você chegou para ficar e ajudar a clarear e responder a pergunta: O que é verdade no mercado financeiro? Obrigado pela lei da abundância. TMJ

Marcos Vinícius 05/01/2021

Top sato, basicamente um estudo avançado em macroeconomia...;)