BBOI11: investir fácil em boi gordo

BBOI11: o ETF que coloca o investidor no jogo dos grandes players do mercado de boi gordo, sua chance de se tornar o Rei do Gado, desde que você fique de olho no volume de negócios com o Raio X Preditivo

O BBOI11 é um bom investimento? Se você quer se tornar o "Rei do Gado" com mais facilidade, sem precisar lidar com as dificuldades de operar no mercado de boi em pé talvez o BBOI11 seja o ETF pra você sem ter que lidar com os bichos de verdade.

Mas será que vale a pena investir em um mercado tão competitivo e dominado pelos grandes players? Afinal, eles têm inúmeras vantagens competitivas que tornam o mercado difícil de operar. É nesse cenário que surge a necessidade de uma metodologia que leia o comportamento desses participantes fortes e identifique regiões de boa assimetria de risco para trade e investimento.

E é aqui que entra o Raio X Preditivo, uma metodologia que analisa o volume financeiro de negociações e identifica a posição e atuação dos investidores institucionais, permitindo que você invista de forma mais estratégica e consciente. Ao acompanhar o comportamento dos grandes players e identificar as regiões de oportunidade, você pode aproveitar melhor as vantagens do mercado de gado e ter melhores resultados.

Neste artigo, vamos apresentar o BBOI11 e como ele funciona, mas também vamos explorar a importância de uma metodologia como o Raio X Preditivo para investir com mais segurança e inteligência nesse mercado tão competitivo.


O QUE É O BBOI11?

O BBOI11 é um ETF negociado na Bolsa de Valores brasileira, a B3, que tem como objetivo acompanhar o desempenho do Índice Futuro de Boi Gordo B3 (IFBOI B3). Esse índice é composto por uma carteira teórica de contratos futuros de Boi Gordo (BGI), que são utilizados pelo mercado para travar o preço de uma commodity numa determinada data, protegendo-se de oscilações que possam comprometer sua produção nesse período.

O lançamento do IFBOI B3, no dia 3 de novembro de 2022, e de outros índices ligados ao agronegócio pela B3 tem como objetivo oferecer ao mercado a possibilidade de criar produtos como ETFs e outros fundos que aproximem o investidor deste importante setor da economia. O ETF BBOI11 é uma opção para investidores que desejam ter exposição ao mercado de boi gordo e ao agronegócio brasileiro de forma diversificada e com menor custo de transação do que seria possível investindo diretamente nos contratos futuros de Boi Gordo.

Gerido pelo BB Asset Management, o BBOI11 teve sua oferta pública realizada de 8 a 24 de novembro, captando cerca de R$ 70 milhões. A taxa de administração do ETF é de 0,45% e o valor inicial da cota foi de R$ 10. O índice apresentou um retorno anualizado de 23,11% desde 2017 até 21 de novembro de 2022, com potencial de movimentação em direção distinta da apresentada pelo Ibovespa B3, o que o torna uma alternativa interessante para diversificação de portfólio.

A negociação das cotas do BBOI11 começou em 30 de novembro de 2022, marcando o início do primeiro ETF referenciado no IFBOI B3 na B3. Segundo Louis Gourbin, superintendente de Commodities da B3, o lançamento deste ETF dá aos investidores, principalmente pessoas físicas, a oportunidade de trazer mais ativos ligados ao agronegócio a sua carteira de investimentos. O mercado brasileiro de carne bovina é um dos mais expressivos do mundo e tem uma participação importante no PIB nacional e na cadeia alimentar mundial. Ao acompanhar o desempenho dos contratos futuros desta commodity, o novo ETF traz uma grande oportunidade de diversificação com olhar setorial e macroeconômico.

O que é o IFBOI B3, índice de referência do ETF BBOI11

O Índice Futuro de Boi Gordo B3 (IFBOI B3) é um índice de mercado financeiro desenvolvido pela B3 (Bolsa de Valores, Mercadorias e Futuros do Brasil) que reflete o desempenho de uma carteira teórica de contratos futuros de Boi Gordo (BGI), que é negociado na B3.

O índice tem como objetivo acompanhar as variações no preço do primeiro vencimento do contrato futuro de Boi Gordo com rolagem mensal e também da taxa DI de 1 dia.

O IFBOI B3 busca ser um indicador de retorno total da carteira teórica de contratos futuros de Boi Gordo, levando em conta tanto as variações de preço do contrato quanto as taxas de juros diárias.

O índice é calculado diariamente e divulgado no site da B3, assim como outros índices relacionados ao agronegócio brasileiro. O IFBOI B3 foi lançado em 2022 como o quarto índice ligado ao agronegócio pela B3, permitindo aos investidores o acesso a produtos como ETFs e outros fundos relacionados ao setor de carne bovina.


O QUE É UM FUNDO DE ÍNDICE

Se você é um investidor que está sempre procurando formas de diversificar sua carteira e maximizar seus retornos, provavelmente já ouviu falar em ETFs. Mas afinal, o que é um ETF?

Um ETF, ou Exchange Traded Fund, é um tipo de fundo de investimento que é negociado na bolsa de valores, assim como as ações. Ele funciona como um "cesta" de ativos, que pode incluir ações, títulos, moedas e outros ativos financeiros. Ao investir em um ETF, você está comprando uma parte desse cesto de ativos, o que lhe dá exposição a um portfólio diversificado.

Existem vários tipos de ETFs disponíveis no mercado, cada um com sua própria estratégia de investimento e foco de ativos. Por exemplo, há ETFs que replicam índices de ações, como o Ibovespa ou o S&P 500, permitindo que os investidores comprem uma parcela de todas as ações incluídas nesses índices. Há também ETFs que se concentram em setores específicos, como tecnologia, saúde ou energia renovável.

Uma das principais vantagens dos ETFs é a diversificação. Ao investir em um único ETF, você está exposto a vários ativos financeiros, o que pode ajudar a reduzir o risco da sua carteira. Além disso, ETFs geralmente têm taxas de administração mais baixas do que fundos de investimento tradicionais, o que significa que mais do seu dinheiro é investido nos ativos em si.

Outra vantagem dos ETFs é a facilidade de compra e venda. Como eles são negociados na bolsa de valores, você pode comprar e vender cotas de ETFs durante o horário de negociação, assim como faria com ações. Isso significa que você tem mais flexibilidade em relação ao momento de entrada e saída do mercado.

No entanto, é importante lembrar que os ETFs não estão imunes a riscos. Assim como qualquer investimento, eles podem sofrer flutuações de preços e perdas. Além disso, os ETFs que investem em mercados estrangeiros estão sujeitos a riscos cambiais e políticos.

Por isso, é importante realizar uma análise cuidadosa antes de investir em um ETF. Considere sua estratégia de investimento, seu perfil de risco e as condições de mercado atuais antes de tomar qualquer decisão.

Como funciona um ETF como o BBOI11

A emissão de um ETF envolve diversas partes, cada uma com responsabilidades específicas. O cotista é o investidor que detém cotas do fundo, independentemente do valor aplicado. O administrador é responsável pela constituição do fundo e pela elaboração e divulgação das informações e relatórios obrigatórios. O gestor é quem executa a política de investimento do fundo, selecionando os ativos que serão comprados e vendidos. O custodiante é responsável pela guarda e transações dos ativos do fundo. O distribuidor é responsável pela captação de recursos e pelo perfil de risco do investidor. O auditor é contratado pelo administrador para revisar as contas e demonstrações financeiras do fundo. Por fim, o escriturador é responsável pelo controle de titularidade de cotas. Além desses, outras partes podem ser necessárias em situações específicas, como agências de rating, escritórios especializados, avaliadores independentes e consultores. A colaboração de todas essas partes é fundamental para o pleno funcionamento do ETF.


QUAIS ATIVOS FAZEM PARTE DO BBOI11

Não tem muito segredo. O ativo base do BBOI11 são contratos futuros de boi gordo. Mas o que é o Futuro de Boi Gordo, indexado pelo IFBOI B3, índice base do BBOI11?

O contrato futuro de Boi Gordo com liquidação financeira é uma ferramenta utilizada por participantes do mercado, como produtores, empresas de corte, tradings, entre outros, para proteger-se das oscilações de preço do Boi Gordo, que é uma das principais commodities do Brasil devido ao fato de o país ser um dos maiores exportadores de carne bovina do mundo.

O contrato tem como objeto de negociação bois machos com 16 arrobas líquidas ou mais de carcaça e idade máxima de 42 meses. O tamanho do contrato é de 330 arrobas líquidas e a cotação é em reais por arroba líquida, com variação mínima de R$ 0,05.

O contrato pode ser negociado todos os meses e a liquidação é financeira. As vantagens do produto são a proteção contra oscilações de preço indesejadas, eficiência contra o risco de base, alavancagem de posição, transparência de preço nas negociações em plataforma eletrônica, possibilidade de operações com derivativos de milho e auxílio ao pecuarista para administrar com eficiência os riscos de reposição inadequada do gado após a safra.

Os participantes do mercado são instituições financeiras, investidores institucionais, não residentes, pessoas físicas e outros. O BTG Pactual CTVM S.A. é o maior participante do mercado, seguido pela XP Investimentos CCTVM S/A e Terra Investimentos DTVM Ltda. A maior participação em número de participantes é de pessoas físicas, com 57%.

Mas 18% são instituições financeiras e investidores institucionais que, como sabemos, têm muito mais vantagens competitivas. Os dados são de fevereiro de 2023.


É VANTAJOSO INVESTIR EM BBOI11?

A análise do investimento em boi gordo atualmente no Brasil, a partir do panorama atual, é que o mercado de exportação de “bovinos em pé” teve um crescimento em 2022, após a queda nos anos anteriores. O Brasil ainda é um dos principais produtores mundiais de carne bovina e possui o maior rebanho comercial do mundo.

No entanto, a exportação brasileira de bovinos em pé representa apenas 3,78% do mercado mundial, o que demonstra a necessidade de ampliar o mercado internacional para o produto brasileiro. Além disso, a elevação do frete marítimo e o aumento nos preços dos insumos afetaram o custo de produção e a competitividade do produto brasileiro no mercado internacional.

Os principais exportadores de bovinos em pé são o Pará, Rio Grande do Sul e São Paulo, que juntos representaram 88,4% do volume embarcado em 2022. Os países do Oriente Médio são os principais importadores de bovinos em pé do Brasil, representando 63% do mercado, seguidos por outros países como a Venezuela (antes da crise econômica) e o México.

A projeção para 2023 é de um aumento de 6,25% na exportação de bovinos em pé em relação a 2022, o que pode ser uma oportunidade de investimento no setor. É importante ressaltar que a qualidade, raça e quantidade do rebanho brasileiro atendem às exigências dos compradores internacionais, o que pode favorecer o crescimento desse mercado. Porém, é preciso estar atento às oscilações de mercado e às políticas governamentais, que podem afetar o desempenho do setor.

Vantagens e desvantagens de se investir em um ETF como o BBOI11

Algumas das vantagens de se investir em um ETF, como o BBOI11, são:

  • Diversificação: o investidor pode diversificar sua carteira de investimentos com apenas uma operação, investindo no setor pecuário.
  • Baixo custo: A taxa de administração de um ETF é geralmente mais baixa do que a de um fundo de investimento tradicional, o que reduz o impacto dos custos sobre a rentabilidade do investimento.
  • Liquidez: O ETF é negociado na bolsa de valores, o que torna a compra e venda do ativo mais fácil e rápida do que a de outros tipos de fundos de investimento.
  • Transparência: A composição da carteira de um ETF é conhecida pelos investidores, o que permite que eles acompanhem o desempenho do fundo e façam escolhas mais corretas.

No entanto, é importante considerar também as possíveis desvantagens de investir em um ETF como o BBOI11:

  • Risco de mercado: Assim como qualquer investimento em ações, o ETF está sujeito às variações do mercado financeiro e pode apresentar perdas.
  • Concentração de riscos: o BBOI11 está concentrado em um único setor da economia, o que pode aumentar o risco em caso de problemas específicos no segmento.
  • Risco de liquidez: Embora os ETFs sejam negociados na bolsa de valores, pode haver momentos em que a liquidez do ativo seja reduzida, dificultando a compra ou venda em determinados momentos.
  • Limitações na gestão: Como o BBOI11 replica um índice, a gestão do fundo é limitada à replicação do índice, o que pode limitar as possibilidades de tomada de decisão e adaptação a mudanças no mercado.


UMA ESTRATÉGIA PARA INVESTIR EM BBOI11

  • A estratégia "Sato's Kamikaze" é uma técnica de investimento que consiste em aproveitar oportunidades de compra durante momentos de crise no mercado financeiro.
  • O objetivo é identificar ações de empresas sólidas – ou outros tipos de ativo, como o BBOI11 - que estejam sendo comercializadas abaixo do preço justo para comprá-las.
  • A estratégia se baseia na disciplina e consiste em continuar comprando pequenas quantidades a cada vez que o mercado cair, sempre de maneira paciente e disciplinada.
  • A ideia é alcançar a independência financeira a longo prazo, mesmo que isso possa levar anos para acontecer.
  • Existem dois principais motivos para adotar a estratégia: a crise e o volume de negociações.
  • A crise é vista como uma oportunidade para encontrar ações de empresas sólidas abaixo do preço justo, enquanto o volume de negociações é usado como indicador das ações dos grandes investidores no mercado.
  • Para implementar a estratégia, é necessário realizar uma pesquisa detalhada sobre as empresas – ou outros ativos - que serão consideradas para investimento, avaliando seus fundamentos, sua situação financeira e sua capacidade de resistir a crises.
  • Além disso, é importante estar ciente de seus próprios objetivos financeiros e perfil de investidor, a fim de determinar se a estratégia é adequada para você.
  • É preciso ter uma preparação cuidadosa e um planejamento financeiro sólido antes de adotar a estratégia.


UMA ESTRATÉGIA PARA INVESTIR EM BBOI11UMA ESTRATÉGIA PARA INVESTIR EM BBOI11

As taxas associadas aos ETFs são importantes para os investidores entenderem, pois elas afetam diretamente o retorno de seus investimentos. Aqui estão as principais taxas a serem consideradas:

  • Taxa da gestora: 0,45% ao ano sobre o valor investido. Essa taxa é cobrada pela gestora do ETF para administrar o fundo e manter suas operações funcionando.
  • Taxa de corretagem: algumas corretoras podem não cobrar taxas de corretagem para a compra e venda de ETFs, mas outras ainda cobram. O valor da taxa varia de empresa para empresa.
  • Taxas da bolsa: as taxas cobradas pela bolsa de valores incluem registro, negociação e outras taxas.
  • ISS: a taxa de ISS incide sobre a taxa de corretagem, caso a corretora cobre.
  • Imposto de renda: no momento da venda do ativo, se houver lucro, o investidor precisa pagar 15% sobre esse lucro ao Leão. Se for day trade (operação que começa e termina no mesmo dia), a taxa é de 20% sobre o lucro. Esse imposto é pago mensalmente. Quando o investidor integraliza cotas em ETFs, o administrador do ETF é responsável por reter 15% de Imposto de Renda na fonte. Da mesma forma, quando o investidor resgata cotas, também é aplicada a alíquota de 15% e o recolhimento é de responsabilidade do administrador do ETF. Quando ocorre a alienação de cotas em bolsa de valores, o investidor é responsável pelo recolhimento de 15% de Imposto de Renda. Vale ressaltar que o Come-Cotas, imposto que incide sobre os fundos de investimento, não é aplicado em operações que envolvam integralizações, resgates e alienações de cotas de ETFs.


COMO O RAIO X PREDITIVO PODE AJUDAR A NEGOCIAR E A INVESTIR EM BBOI11

O Raio X Preditivo utiliza uma metodologia que leva em consideração o fluxo de ordens dos grandes investidores para identificar possíveis pontos de compra e venda de ativos. Esses investidores possuem um grande poder de influência no mercado, e podem movimentar os preços dos ativos com suas decisões de compra e venda em grandes quantidades.

Dessa forma, ao utilizar o Raio X Preditivo para analisar BBOI11, por exemplo, é possível identificar se há uma tendência de compra ou venda por parte dos grandes investidores. Se houver uma tendência de compra, pode ser um sinal de que o ativo está prestes a valorizar. Por outro lado, se houver uma tendência de venda, pode ser um sinal de que o ativo está prestes a desvalorizar.

O volume financeiro de negociações em um mercado financeiro é a quantidade de dinheiro que é negociada em um determinado ativo em um período de tempo. Esse volume pode ser considerado a causa do preço do ativo, uma vez que a oferta e a demanda por esse ativo são impulsionadas pelo dinheiro que entra e sai do mercado por meio das negociações.

Por outro lado, o preço é o efeito dessa dinâmica de oferta e demanda, já que é determinado pela interação entre os compradores e vendedores no mercado. Assim, é importante entender que a análise do volume financeiro é fundamental para compreender a movimentação dos preços no mercado.

Os grandes investidores, conhecidos como big players, são capazes de influenciar o volume financeiro de negociações no mercado, e por isso suas ações são de grande importância para os movimentos dos preços. Eles possuem grandes recursos financeiros e capacidade de mobilização de capital, e muitas vezes aproveitam momentos de pânico ou euforia do mercado para comprar ativos baratos ou vender ativos caros, respectivamente. Isso ocorre porque, como eles possuem grandes posições no mercado, precisam ajustá-las de forma vantajosa e em busca de liquidez.

Por essa razão, é importante utilizar metodologias que levem em consideração a análise do volume financeiro de negociação, como o Raio X Preditivo, por exemplo. Metodologias que analisam apenas o preço podem induzir ao erro, já que não levam em consideração a dinâmica de oferta e demanda por trás dos movimentos dos preços. Por isso, o Raio X Preditivo, que utiliza a análise do volume financeiro para identificar a presença dos grandes investidores no mercado, pode ser uma ferramenta valiosa para investidores e traders que desejam tomar decisões de investimento mais acertadas.


COMO COMPRAR BBOI11

Se você deseja comprar BBOI11, um ETF que o mercado de boi gordo, siga os seguintes passos:

  • Abra uma conta em uma corretora de valores: pesquise corretoras que atendam às suas necessidades e verifique as taxas cobradas, funcionalidades da plataforma, atendimento ao cliente, entre outros critérios. Você precisará fornecer seus dados pessoais e documentos como RG e CPF para abrir a conta.
  • Faça a transferência de dinheiro para sua conta na corretora: após abrir a conta, é necessário transferir dinheiro para a sua conta da corretora para poder investir. As corretoras oferecem diferentes opções de transferência, como TED, DOC e depósito em conta.
  • Acesse a plataforma de negociação da corretora: cada corretora tem sua própria plataforma de negociação que pode ser acessada pelo computador ou pelo celular. Acesse a plataforma e busque pelo código do ETF BBOI11.
  • Realize a compra de BBOI11: selecione a opção de compra de ações na plataforma e informe a quantidade de cotas de BBOI11 que deseja comprar. Confirme a operação e aguarde a confirmação da compra.

Parece fácil, não é mesmo? Mas antes de investir, é importante adquirir conhecimento sobre o mercado financeiro e sobre o ETF que deseja comprar. Além disso, utilizar as ferramentas do Raio X Preditivo, que analisa o mercado através do volume de negociações, pode ser altamente recomendado. Investir com cautela e responsabilidade é essencial.

O treinamento em conta demo é uma ferramenta fundamental para que os investidores possam adquirir experiência em negociação sem correr riscos financeiros reais. Além de permitir que o trader experimente diferentes estratégias e familiarize-se com a plataforma de negociação, a conta demo é importante para ajudar a controlar fatores emocionais que podem influenciar negativamente o desempenho nas negociações, como a ansiedade, o medo e a ganância. Se o trader não conseguir se dar bem na conta demo, é improvável que ele tenha sucesso em negociações reais, onde o dinheiro está em jogo. Por isso, é importante que o investidor utilize a conta demo com seriedade e se dedique a aprender e praticar antes de investir dinheiro real no mercado financeiro.


CONCLUSÃO

Investir em BBOI11 pode ser uma opção interessante para quem busca exposição ao mercado de boi gordo e deseja diversificar sua carteira de investimentos. Entretanto, é importante considerar o contexto nacional e global que afeta o setor agropecuário, como mudanças climáticas, políticas governamentais e demanda global.

Além disso, a atuação dos big players no mercado pode influenciar o desempenho de BBOI11, uma vez que eles possuem grande poder de movimentação do mercado e podem aproveitar momentos de pânico ou euforia para ajustar suas posições.

Para uma análise mais precisa do mercado, o uso de ferramentas como o Raio X Preditivo pode ser altamente recomendado, já que essa metodologia considera o volume financeiro de negociação para identificar tendências e oportunidades de investimento, prever movimentos do mercado e reduzir riscos desnecessários.


Escrito por Luiz Sato

Segundo Sato sua missão é transmitir conhecimento avançado aos traders brasileiros para aplicarem as metodologias e as ferramentas disponibilizadas ao seus alunos aumentando as probabilidades de ganhos nos mercados que são altamente competitivos e dominados principalmente pelos HFT´s (Robôs de alta frequência).

Deixe seu comentário